Quinta-feira, 18 de Outubro de 2012

"Portugal tem economistas maravilhosos", afirma o NOBEL Alvin Roth; Conheça Marilda Sotomayor. A brasileira co-autora de Alvin

 

 

Referiu, em entrevista telefónica, quando soube que tinha sido galardoado com o Nobel de Economia que “a economia é sobre a vida….”. De que forma?

Alvin: Os economistas estudam a forma como as pessoas fazem escolhas. E procuram saber quem é que ganha o quê. E como é que a coordenação e a cooperação moldam os resultados da vida.

 

A teoria de jogos é dentro desse contexto importante para e entender a vida…?

Alvin: A teoria de jogos estuda como é que “as regras do jogo” influenciam os resultados … de forma a que isso nos ajude a estabelecer regras que nos serviam bem.

 

Qual é a sua visão sobre a actual crise financeira?

Alvin:Eu sou um microeconomista, não um macroeconomista. Por isso não tenho uma visão profunda, com conhecimento de causa, da crise financeira. Mas é claro que muitos mercados financeiros deverão precisar de regras diferentes, na medida que um maior número de instituições, que não são denominadas de bancos ou de companhias de seguros, comecem a trabalhar com as mesmas funções (ainda que não reguladas)

 

Conhece Portugal?

Alvin: Nunca estive em Portugal, mas existem economistas portugueses maravilhosos...

 

Tais como?

Alvin: Não sei se “serem de língua oficial portuguesa” conta, mas a grande teórica de matchings, a brasileira Marilda Sotomayor, é minha co-autora num livro sobre matchings.

Advinho que Miguel Costa Gomes seja português, apesar de ensinar em Inglaterra. Em Portugal, existe um bom grupo de teóricos de matching (matching theorists) em Lisboa, onde se inclui a Joana Pais.

 

 

Este texto resulta de uma troca de e-mails com o Professor Alvin Roth, que foi galardoado, juntamente com Lloyd S. Shapley, com o Nobel de Economia 2012.

 

The Sveriges Riksbank Prize in Economic Sciences in Memory of Alfred Nobel 2012 was awarded jointly to Alvin E. Roth and Lloyd S. Shapley "for the theory of stable allocations and the practice of market design" 

 

 Alvin Roth    Shapley.jpg Lloyd S. Shapley

 

 

 

Conheça o Nobel

Saiba qual foi a reacção de Alvin Roth ao "prémio"

Alvin é autor do blog: Market Designer

 

 

 

--

O Económico foi atrás dos nomes referidos pelo Nobel.

 

Marilda Sotomayor, co-autora, com Alvin Roth, do famoso "Two Sided Matching", falou com o Económico e não nega que "Houve essa confusão (quanto à autoria da equivalência dos algoritmos) na literatura e ainda há."

 

 

Sente alguma injustiça nos “louvores”? Por exemplo quando diz ¨Embora o Alvin cite o nosso trabalho em seu artigo, houve uma confusão sobre isso, e se acreditou que Alvin tivesse sido quem tivesse descoberto a equivalência dos algoritmos.”

 

Marilda: Não. Houve essa confusão na literatura e ainda há. Mas o mérito não é meu, e sim do Gale. Tenho as correspondências travadas sobre esse assunto entre Gale e o coordenador do NRMP em 1975. Além do livro escrevi vários artigos com Alvin Roth quando ele trabalhava em Pittsburgh. Ele me enviou um e-mail dizendo: Congratulations to you too! We shared much of the work!. A ida dele para Harvard foi um passo à frente. Lá ele formou uma escola e seus alunos estão por aí fazendo sucesso e trabalhando em matching. O prémio foi merecido. Por meu lado, nunca tive a pretensão de almejar ganhá-lo. Sei que dei e continuo dando uma boa contribuição à teoria dos matchings. Mas, como matemática, sigo a linha do Gale: faço teoria. Alvin se dedicou às aplicações, que são importantes na Economia.

 

O Brasil deu-lhe o apoio  cientifico que precisou? Teve que se juntar a vozes americanas?

Marilda: No Brasil trabalhei 25 anos no Departamento de Matemática da PUC/RIO. Quando percebi que nunca teria alunos, pois não me era permitido ensinar cursos na minha área, mudei-me para a Universidade Federal do Rio de Janeiro, para o Departamento de Economia. De lá vim para a USP/SP onde estou até hoje.Sou sozinha na minha área em todo o Brasil. Assim, por diversas vezes usei bolsas de pós-doutorado das instituições de fomento brasileiras para visitar por um período longo bons centros estrangeiros. Dessa forma construí a minha carreira. 

 

O problema que encontro no Brasil é de que matching é uma área muito matematizada e isso não agrada aos nossos economistas. Por outro lado, teoria dos jogos não é ensinada nos Departamentos de Matemática das Universidades brasileiras, em geral. Assim é que fica impraticável atrair alunos para um doutorado em matching. Esse cenário é diferente em Harvard, onde os alunos de Economia têm um bom background em matemática. 

 

Tem raízes portuguesas? Se sim, de onde?

Marilda: A família da minha mãe é de origem portuguesa. Não sei de onde. Os bisavós de minha mãe eram fazendeiros de café em São Paulo. O meu nome, Sotomayor, é do meu marido que tem ascendência espanhola.

 

 

 

Tomo,agora, a liberdade de transcrever o conteúdo da mensagem trocada com a Professora Marilda Sotomayor

 

 

"Segue abaixo o material que tenho enviado aos jornalistas", Marilda.

 

A que tipo de mercados esse modelo de matching pode ser aplicado? Apenas naqueles que não obedecem às leis de mercado mais tradicionais, de oferta e procura? 

Os mercados de matching dois lados, como são chamados em meu livro con Alvin, envolvem dois conjuntos finitos e disjuntos de agentes, tais como compradores e vendedores, firmas e trabalhadores, universidades e estudantes, médicos e hospitais, etc. Os agentes de um lado querem fazer parcerias com os agentes do outro lado. e então realizar alguma atividade. Um matching é um conjuto de tais pares. Quando a atividade gera renda, esta é dividida entre os parceiros da forma que eles concordarem. A noção chave é a de estabilidade, sinônimo de equilíbrio cooperativo. Mercados de matching de oferta e procura são competitivos. O equilíbrio competitivo é estável, mas nem todo equilíbrio cooperativo é competitivo.

 

Foi o dr. Roth o primeiro a aplicar o modelo de Shapley-Gale na prática, observando que a estrutura que orientava o NRMP obedecia basicamente aos seus princípios? Ou ele já era claramente inspirado no modelo de Shapley?

Não. O NRMP foi desenvolvido em 1951. Em 1962 Gale e Shapley formularam matematicamente o primeiro modelo de matching. Em 1976 Gale descobriu que o algoritmo Gale-Shapley apresentado no seu artigode 1962 era o mesmo usado pelo NRMP. Isso foi tornado público em nosso primeiro artigo em conjunto, escrito em 1983 e publicado em 1985: Some remarks on the stable matching problem, publicado numa revista de matemática, a Discrete Applied Mathematics. Enviamos uma cópia de nosso artigo para o Alvin, que escreveu um outro artigo sobre o NRMP e consegiu publicar um ano antes de nós, numa revista de economia. Embora o Alvin cite o nosso trabalho em seu artigo, houve uma confusão sobre isso, e se acreditou que Alvin tivesse sido quem tivesse descoberto a equivalência dos algorítmos.

 

O desenho de mercados é apenas uma das aplicações da teoria do matching?  

Sim. O desenho de mercados pode aplicar a teoria de matchings quando o mercado é um mercado de matching. No entanto, a idéia de desenhar um mercado para melhor entendê-lo pode ser aplicada a qualquer mercado.

 

O trabalho realizado por Roth em relação ao sistema de transplantes nos Estados Unidos é um exemplo de desenho de mercado?

Sim

 

Na justificativa do Nobel, eles falam sobre a aplicação desse conhecimento na área da internet e de leilões de anúncios. A senhora conhece algo sobre essa relação?

Como disse acima, desenho de mercados tem uma ampla aplicação. Aqui no Brasil existe um mercado de economistas e centros de pós graduação, chamado mercado da ANPEC. Em 2005 escrevi, em co-autoria com Felipe Bardella, um aluno meu de mestrado, um trabalho em desenho de mercados, que estudava o mercado atual da ANPEC com vistas a entender melhor a estrutura do mercado, detectar e explicar as suas falhas e propor soluções. Não conseguimos publicar o trabalho por que as revistas brasileiras desconhecem que desenho de mercados é uma área de aplicações à Economia. A tese de mestrado de um de meus alunos, Gustavo Andrey, versa sobre desenho de mercados aplicado ao mercado de escolha de escolas públicas de primeiro grau no Estado de São Paulo; Marina Gontijo, outra minha orientanda de mestrado, escreveu sua tese de mestrado sobre o mercado de vestibular.

 

O material abaixo foi enviado para vários jornalistas.

 

O prêmio que Alvin Roth e Lloyd Shapley receberam é sobre matching, e a importância de maching para a Economia é que Economia é sobre a vida real e matching tem inúmeras aplicações à vida real. Através dessa teoria, vários mercados têm sido melhor entendidos, o que tem ajudado na sua organização.

A teoria dos matchings estáveis foi introduzida por David Gale e Lloyd Shapley em 1962, com o artigo “College admissions and the stability of marriage”.  Um conjunto de estudantes é para ser alocado a um conjunto de universidades. Os participantes de um conjunto têm preferências sobre os participantes do outro conjunto. Cada universidade tem uma cota, que representa o número máximo de estudantes que pode admitir. O modelo resultante é chamado de “college admission model”. Quando a cota de todas as universidades é um, obtemos o “modelo do casamento”. A idéia do matching estável é a de uma alocação dos estudantes para as universidades tal que um estudante não possa ser alocado a mais de uma universidade, o número de estudantes alocados a uma universidade nunca ultrapasse a cota dessa universidade e não exista uma universidade e um estudante, que não estejam associados pelo matching, mas tal que o estudante prefere a universidade àquela para a qual foi admitido e a universidade prefere o estudante a algum dos estudantes que admitiu.

Gale e Shapley provaram a existência de machings estáveis através de um algorítmo simples, que partindo das preferências dos participantes chega, num número finito de etapas, a um matching estável.

A teoria dos matchings estáveis tem evoluído desde o artigo de 1962 e o conceito de matching estável tem se estendido para mercados com preferências mais complexas e em que os participantes de ambos os conjuntos podem formar mais de uma parceria. O algoritmo de Gale e Shapley tem encontrado inúmeras aplicações na vida real, em mercados não somente de escolas e estudantes, mas também em mercados de distribuição de médicos e hospitais nos Estados Unidos e Grã Bretanha.

Em 1972, Shapley e Shubik introduziram o “assignment game”, incorporando uma variável monetária no modelo do casamento. Inúmeras variações desse jogo têm sido criadas e estudadas amplamente. Os modelos são mais adequados para representar mercados de trabalho no nível de contratação e mercados de compradores e vendedores.

           

Um dos ramos da teoria de matchings aplicada à Economia, que tem sido objeto de estudo de inúmeros pesquisadores, é o Desenho de mercados. Este é um campo de pesquisas que busca entender melhor os detalhes relevantes das regras do Mercado em estudo, para que possamos ajudar na sua organização ou a consertá-los quando eles quebram. Embora Gale e Shapley não tenham se dado conta, eles escreveram o mais antigo artigo sobre desenho de mercados. O livro "Two Sided Matching", de minha autoria junto com A. Roth, publicado em 1992, dá uma idéia do desenvolvimento da teoria desses tipos de mercados nos seguintes 30 anos ao artigo de Gale e Shapley.

Alvin Roth também tem trabalhado em Experimentos Econômicos. A idéia é conduzir experimentos, trazendo a Economia para o laboratório ou criando condições controladas que nos permitam entender melhor o que estamos vendo em circunstâncias menos controladas.

Alvin criou uma escola em Harvard e seus inúmeros alunos estão por aí, fazendo sucesso em matching! Shapley devia ter ganhado o prêmio junto com Aumann em 2005. Deu uma notável contribuição à teoria dos jogos cooperativa, incluindo o famoso “valor de Shapley”, um conceito de solução cooperativo, caracterizado por meio de um conjunto de axiomas razoáveis, que oferece um índice para medir, em certo sentido, o poder dos jogadores em um jogo.  

 

 

 

Leia mais sobre o tema na "Ideias em Estante", coluna publicada, às sextas-feiras, no Económico.

 

http://economico.sapo.pt/noticias/nobel-alvin-diz-que-portugal-tem-economistas-maravilhosos_154327.html

 

Conheça qual o livro que lidera o TOP Económico, qual o lançamento editorial da próxima semana e o perfil de Paulo Pamplona Côrte-Real, aluno de Alvin Roth, em Harvard, Universidade onde tirou o PHD.

 

Este post será, também, publicado no blog Livros à volta do Mundo

 

 

 

publicado por livrosemanias às 23:57
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Manuel a 19 de Outubro de 2012 às 11:21
Grande Reportagem!Parabéns!


Comentar post



Mais sobre mim
Sobre a Mafalda

More about me
About Mafalda

Agenda
Agenda

África, Ásia e Brasil
Quer ir para Angola?

Around the World

pesquisar

 

Maio 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


posts recentes

Homenagem ao Professor Ve...

Sócrates perde para Astér...

'Jogadas' com Blatter e o...

Ondjaki vence Prémio Lite...

Moçambique, Astérix, cris...

Biblioteca de Papel no CC...

Gomes Ferreira continua a...

MBA júnior, inteligência ...

Sócrates, Soares e Lula ...

" O meu programa de Gover...

arquivos

Maio 2014

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

blogs SAPO

subscrever feeds